26 de nov de 2008

MERCADO DE TRABALHO

O Mercado de trabalho está cada vez mais exigente e competitivo, assim como o atleta se prepara para uma competição é preciso se preparar para o mercado de trabalho.
Preparar-se para este mercado significa ter foco na carreira profissional, desenvolver competências e habilidades que permitam competir com outros profissionais.
Não é competir de qualquer forma, massacrar o outro, mas sim competir através do saber ser e saber fazer.
As competências e habilidades valorizadas pelo mundo do trabalho são:
- Ter em mente três palavras chaves: GLOBALIZAÇÃO, TECNOLOGIA E CONHECIMENTO.
- Ter um projeto pessoal de formação contínua – estudar sempre utilizando todos os meios como forma de aprendizagem até mesmo uma viagem a passeio;
- Saber se comunicar principalmente em Português;
- Ter fluência em outros idiomas;
- Saber trabalhar em equipe;
- Ter boa cultura geral;
- Respeitar a diversidade étnica e cultural;
- Ter espírito empreendedor e criativo;
- Ser flexível, facilidade em adaptar-se a novas situações;
- Ter capacidade de liderança;
- Saber administrar o tempo;
- Ser persistente e paciente;
- Ter hábitos saudáveis;
- Participar de trabalhos comunitários
- Saber conquistar e manter bons relacionamentos;
- Ter conhecimento de partes e do todo de forma integrada;
- Ter equilíbrio emocional;
- Dominar a tecnologia.
Enfim preparar-se para o Mercado de Trabalho hoje vai além do saber fazer é preciso também conhecer e saber aprender sempre.
Iniciação no Mercado de Trabalho

Uma das preocupações do estudante é como ingressar no mercado de trabalho uma vez que as empresas pedem experiência profissional. Existem algumas formas de iniciar no mercado de trabalho que são: ESTÁGIO E PROGRAMAS DE TRAINEE
ESTÁGIO:
Estágio: SÃO atividades de aprendizagem social, profissional e cultural, que o estudante pela em situações reais de vida e trabalho de seu meio, realizadas na comunidade em geral ou em empresas públicas ou privadas, sob responsabilidade e coordenação da instituição de ensino.
O estágio é oferecido a alunos regularmente matriculados em cursos de Educação Profissional, Superior e Ensino Médio, em escolas públicas e particulares em empresas pública, privadas e instituições de ensino para a realização de tarefas relacionadas à sua área de aprendizagem. O estágio não é e nem deve ser confundido com emprego. É o complemento da aprendizagem onde irá colocar em prática os conhecimentos teóricos aprendidos na escola, contribui para a formação profissional do estudante. O estagiário não tem vínculo empregatício com a empresa na qual realiza o estágio, portanto não tem os mesmos direitos dos trabalhadores.
PROGRAMAS DE TRAINEE
Estes programas visam a formação do profissional que acabou de sair da faculdade para que possa iniciar sua carreira em uma empresa ou função com a qual tenha afinidade. Por isso, durante todo o processo seletivo, além de requisitos básicos como conhecimentos gerais, capacidade de relacionamento e de trabalho em equipe, é avaliado também se o candidato tem o perfil adequado ou compatível com a instituição que pretende trabalhar.

Um comentário:

Nathy disse...

não sei qual facu fazerr