5 de mar de 2009

PSICOLOGIA

DESCRIÇÃO DA PROFISSÃO:

A Psicologia é a ciências que estuda o comportamento humano e fenômenos psíquicos através de observações, análises e interpretações que ajudam no diagnóstico e tratamento de distúrbios emocionais e de personalidade.
As principais atividades do Psicólogo encontram-se em várias áreas: clínica, educacional, organizacional, social-comunitária, jurídica e hospitalar.
Na área clínica realiza triagem de pacientes, faz o diagnóstico.
Cuida do tratamento e prevenção de distúrbios mentais, emocionais e de personalidade.
Realiza consultas e atendimento psicoterápico e aconselhamento psicológicos a pessoas com dificuldades.
Dirige e assessora serviços de psicologia.
Atende individualmente ou em grupo famílias, casais ou pessoas com distúrbios mentais, emocionais, psicomotores, psicopedagógcos e de comportamento, faz a avaliação, trata e previne problemas.
Ajuda o cliente na busca das soluções das dificuldades ou queixas apresentadas, lidando com as formas de relação que o paciente estabelece consigo mesmo, com os outros e com a sua realidade de vida.
Na Psicologia Organizacional atua em departamentos de Recursos Humanas em recrutamento, seleção, treinamento, análise de cargo e função, diagnóstico organizacional.
Faz o planejamento e avaliação de problemas ligados ao trabalho, como estresse, alcoolismo, uso de drogas, problemas familiar,.
Elabora programas de caráter motivacional e avaliação de desempenho.
Trata de outras questões da saúde psicológica relacionadas ao trabalho.
Participa de programas de higiene mental e segurança do trabalho.
Na Psicologia Educacional atua junto a professores, diretores, coordenadores orientando-os em conhecimentos necessários à avaliação crítica e a reflexão de seus papéis junto aos alunos.
Colabora na elaboração de programas, planejamento de estímulos educacionais.
Participa na elaboração de currículos escolares, acompanha e orienta estudantes com problemas de aprendizagem.
Planeja e realiza trabalho de orientação vocacional profissional estimulando o desenvolvimento de atitudes, conhecimento, desenvolvimento de habilidades que facilitam a resolução de problemas relacionados à escolha profissional e planejamento de carreira.
Na área jurídica planeja o atendimento junto a presídios, abrigos de menores infratores.
Dá assessoria em questões jurídicas elaborando laudos psicológicos para diversas finalidades.
Acompanha casos de adoção, desenvolve programas educacionais para presidiários e menores abandonados.
Em Psicologia Hospitalar acompanha pacientes terminais e familiares, auxilia na recuperação de pacientes com seqüelas físicas, dá atendimento geriátrico.


CAMPOS DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL:

Centros de assistência à saúde, organizações comunitárias, associações esportivas, empresas comerciais e industriais, agências de emprego, clínicas de psicologia, creches, escolas, ambulatórios, hospitais, centros de repouso, de reabilitação, orfanatos, entidades que cuidam de menores infratores ou abandonados, penitenciárias, tribunais, varas da infância e juventude, consultórios particulares, institutos de pesquisa.
Tendo a licenciatura, pode ainda, lecionar psicologia aplicada em cursos técnicos e pós-graduado pode ministrar aulas em cursos superiores.

CURRÍCULO MÍNIMO DO CURSO:

Matérias Básicas: Psicologia, Estatística, Psicologia Geral e Experimental, Psicologia do Desenvolvimento, Psicologia da Personalidade, Psicologia Social, Antropologia, Sociologia, Educação Física.

Matérias de Formação Profissional: Técnicas de Exames e Aconselhamento Psicológico, Ética Profissional, Psicologia do Excepcional, Dinâmica de Grupo e Relações Humanas, Pedagogia Terapêutica, Psicologia Escolas e Problemas de Aprendizagem, Teorias e Técnicas Psicoterápicas, Seleção e Orientação Profissional, Psicologia da Indústria.

Estágio: Obrigatório e Supervisionado

Duração do Curso: 5 anos.

24 comentários:

luiz disse...

muito bom o seu blog
sempre q venho aki tem texto otimos


sse puder
http://sonabrisa.nomemix.com/

ligiaferraz disse...

eu ja tinha vindo aqui uma outra vez.. sempre tive interesse pela faculdade de psicologia, mas acabei optando por cinema. mas ainda sim, saber essas informações todas sempre ajuda na escolha!
parabens pelo blog!

JaCoNa disse...

Ateh epnsei em seguir a carreira de psicologa... mas eu sou doida, intaum numa ia rolar! ashuashsuhsauahs
Parabéns pelo blog! xD

xeru

http://jaconapacheco.blogspot.com/

Carolina disse...

Se eu não prestar Biologia Marinha, uma das minhas opções é Piscologia.

Realmente...cada dia que passa as pessoas são individualistas, e se apegam cada vez mais com as coisas materiais e esquecem que vivem em um mundo onde tudo se deve compartilhar.
Volte sempre (:

Beijos

Tom CoyoT disse...

Eu trabalhei com Psicologia num trabalho cênico
chamado "Neurótico". As revistas PSIQUE CIÊNCIA & VIDA e MENTE E CÉREBRO destacaram o espetaculo.

Renan Barreto disse...

Psicologia é uma das matérias que estudei na faculdade. Era Psicologia social, muito bacana. Mas não tenho pretensões de seguir essa carreira, deixa como jornalista que tá bom. rrs

Inez, fiz outra entrevista lá no http://brasilstation.blogspot.com é sobre games, mas se fala de arte em geral. Espero que goste.

Fabricio bezerra da guia disse...

qual a melhor faculdade de psicologia do Brasil?
parabens pelo blog

laurinha disse...

legal psicologia mais o que gosto mesmo e ciencias biologicas

muito legal seu blog
bjsss

Marcelo A. disse...

Eu fiz História, cursei Biblio (não terminei), mas tô pensando seriamente em cursar Psicologia... Meus amigos vivem dizendo que eu nasci pra ser psicólogo!

Rsrsrs!

Passa lá em casa:

www.marcelo-antunes.blogspot.com

Abração, querida!

Caio Coletti disse...

sempre achei psicologia uma área interessante, acho os caminhos da mente humana fascinantes, mas nunca me imaginei praticante a profissão de psicólogo... não sai, acho que de alguma forma alguma coisa me repele nessa atividade... coisa para um psicológio estudar, certamente (rs)

abraços
http://filme-pipoca.blogspot.com/

Cherry Chérie disse...

Nossa amei, eu tinha vontade de fazer psicoligia, mas era meio vago, lendo agora parece que me encontrei, eu fazia administraçao, mas nao tava mto realizada no curso não. Parabéns pelo blog!

http://cherrycheri.blogspot.com/

Marcelo Leite disse...

Meus parabéns pelo blog
adorei
passa no meu tbm e encontrará boas dicas
até

Kyone Akami disse...

Eu faço psicologia xD

luiz disse...

psicologia qndo eu estudava era a materia q eu mais gostava

se puder
http://sonabrisa.nomemix.com/

Rosangela A. Santos disse...

Adoro o seu blog .. tem postagem ótimas .. que mesmo não sendo da profissão em que trabalho mas sempre ajuda com algumas coisas, acho que em todas precisamos saber algo das outras .. sempre ajuda a melhorar .. rsrsrs

Abç.

Habib Sarquis disse...

Cara parabéns mais uma vez pelo teu blog...já é a 8 vez q apareço aki e sempre tem coisa boa sobre profissões e vestibular. Parabéns!!

Blog : Leitura Dinâmica - www.habibsarquis.wordpress.com

Michell Niero disse...

Sempre tive grande interesse em psicologia, principalmente quando ela é aplicada aos esdudos da comunicação. Agora que estou concluindo jornalismo, quem sabe não possa fazer uma pós relacionada a isso.

um abraço

Avassaladoras Rio disse...

Querida amiga avassaladora...
Muito importante saber exatamente o que vai encontrar na profissão escolhida e suas alternativas do uso comercial do saber academico... muita gente fica perdida com um diploma sem ver o mundo de oportunidades que podem encontrar...
venha nos visitar temos novidades divertidas kkkkkk

taty disse...

eu queria ser psicologa pra entender seres humanos sacanas!

Ely disse...

Infelizmente esse mundo está cheio de gente infeliz com a profissão (eu que o diga).
Queria ser psicólogo :(

Barelyely disse...

Infelizmente esse mundo está cheio de gente infeliz com a profissão (eu que o diga).
Queria ser psicólogo :(

Avassaladoras Rio disse...

Querida amiga avassaladora...
Minha profissão favorita de todas as que já exerci...
fui pela tentativa e erro.

jheison disse...

me amarro em psicologia.

pretendo cursar a faculdade ano que vem... gostaria de trabalhar com adolescentes, pois muitos deles passam por mal momentos, e os pais naun entendem, naun só os pais mais sim a sociedade.

abraço

Richard disse...

Olá, Inez!

O seu blog é sensacional.
Aos menos 18 anos tive que tomar a maior decisão da minha vida. O que serei?
Meu sonho era Medicina, já imaginava todos os dias como seria, mas tive que optar pelo marketing, pois trabalhava numa empresa e eu era o único com ensino médio, fora que o único que sustentava a casa era eu. Tive que tomar essa decisão contra a minha vontade.
Pois bem... passou-se exatamente 5 anos da minha vida e estou concluindo a pós graduação em gestão empresarial.
A medicina esfriou na minha vida, o sonho tinha acabado.
Mas administração e marketing ainda não é algo que me deixa feliz... mas me fez bem pq eu descobri uma coisa muito boa em mim. Sinto-me bem quando preparo alguém, treino, entro em sua vida e mudo o seu destino... quando posso através de meus ouvidos e minhas palavras, confortar alguém. Aprendi tudo isso com a liderança que exerci... logo subi na empresa por esse meu perfil...
Hoje estou desempregado e estudando pra concurso... preciso de um emprego estável.. e daí pensei o que eu quero ser, pois ainda dá tempo.
PSICOLOGIA.
Era algo que eu nunca tinha pensado, pois aos 18 anos sem experiência de trabalho, você sempre disvirtua todas as profissões.
Quero passar em um concurso e depois seguir a carreira de psicologo na área clínica ou hospitalar e daí o meu sonho acordou... de uma outra forma que eu não esperava, mas acordou.
O que achas?
Olá, Inez!

O seu blog é sensacional.
Aos menos 18 anos tive que tomar a maior decisão da minha vida. O que serei?
Meu sonho era Medicina, já imaginava todos os dias como seria, mas tive que optar pelo marketing, pois trabalhava numa empresa e eu era o único com ensino médio, fora que o único que sustentava a casa era eu. Tive que tomar essa decisão contra a minha vontade.
Pois bem... passou-se exatamente 5 anos da minha vida e estou concluindo a pós graduação em gestão empresarial.
A medicina esfriou na minha vida, o sonho tinha acabado.
Mas administração e marketing ainda não é algo que me deixa feliz... mas me fez bem pq eu descobri uma coisa muito boa em mim. Sinto-me bem quando preparo alguém, treino, entro em sua vida e mudo o seu destino... quando posso através de meus ouvidos e minhas palavras, confortar alguém. Aprendi tudo isso com a liderança que exerci... logo subi na empresa por esse meu perfil...
Hoje estou desempregado e estudando pra concurso... preciso de um emprego estável.. e daí pensei o que eu quero ser, pois ainda dá tempo.
PSICOLOGIA.
Era algo que eu nunca tinha pensado, pois aos 18 anos sem experiência de trabalho, você sempre disvirtua todas as profissões.
Quero passar em um concurso e depois seguir a carreira de psicologo na área clínica ou hospitalar e daí o meu sonho acordou... de uma outra forma que eu não esperava, mas acordou.
O que achas?
Devo seguir esse sonho ou continuo na administração??