21 de abr de 2009

DIPLOMACIA

DESCRIÇÃO DA PROFISSÃO:

As atividades do diplomata dividem-se em três funções básicas: a de representação, de negociação e de informação. Poderá exercer essas funções em sete grandes áreas:
Administrativa: dirige órgãos do Ministério das Relações Exteriores no Brasil ou no exterior, controla recursos financeiros, materiais e humanos;
Estratégica: participa da definição das políticas externas e da administração das atividades do Itamarati;
De promoção comercial: incrementando as relações comerciais com outros países, acompanhando transações internacionais;
Consular: presta assistência a brasileiros em outros países, cuidando da documentação destes, emitindo passaportes e vistos, reconhecendo firmas e documentos, cuida da fiscalização e do despacho de navios brasileiros em cidades portuárias estrangeiras;
Multilateral: representa o país em entidades internacionais e integrando ou chefiando delegações;
Econômica: defende os interesses nacionais nas negociações com outros países; prepara agendas de encontros comerciais no exterior para grupos de empresários;
Política: assessora o governo nos entendimentos e negociações com o país no qual serve; coleta, analisa, interpreta e redige relatórios sobre política internacional; assessora a Câmara e o Senado; em situações extremas, exercendo a chamada “diplomacia secreta”, em que a segurança de Estado exige sigilo.

O Curso de Diplomacia é oferecido somente pelo Instituto Rio Branco, em Brasília.

Condições para inscrever-se:
- Ser Brasileiro nato;
- Ter idade entre 19 e 30 anos;
- Ter concluído um Curso Superior;
- Estar em dia com o Serviço Militar e Eleitoral;
- Ter bons antecedentes;
- Possuir conhecimento profundo de Inglês;
- Ter domínio da Internet e de Francês;
- Ter conhecimento de um terceiro idioma é um diferencial para a carreira.

Durante o curso são estudadas matérias como: Linguagem Diplomática, Português, Francês, Espanhol e outras línguas opcionais, Política, Direito, Economia, Administração, História, Sociologia e Regras do Cerimonial e Protocolo.

Duração do curso: 2 anos, com estágio obrigatório nos 3 últimos meses que são realizados nas Embaixada e Consulados Gerais do Brasil na América do Sul.

4 comentários:

eu-amo-a-ey disse...

Essa e uma carreira que sempre me atraiu, mas como não sei nada de Francês, se tornou totalmente inviável para mim.

Beijos!

Ana Lucia Nicolau disse...

acho essa profissão tão linda!
talvez se não tivesse optado pela advocacia teria ido atrás de estudar pra exercer essa profissão

º°● Piter disse...

Parabéns pelo blog, pela dedicação e por postar coisas úteis. Nesse mundo de desemprego e banalidades.

Ta no meu favoritos já!

=)

Arthur A. Melo. disse...

obrigado pela respodsta vou tentyar seguir a carreira,
você poderia informar os salários?
já domino inglês, sei um pouco de espanhol e to iniciando francês,
só falta entrar na universidade e atingir a idade;