29 de abr de 2009

TÉCNICO EM CERÂMICA

DESCRIÇÃO DA PROFISSÃO:
Colabora em pesquisas, ensaios e experiências relacionados com as transformações físicas ou químicas dos materiais cerâmicos.
Projeta modelos e moldes determinando a técnica e a matéria-prima a serem utilizadas na fabricação.
Elabora testes, ensaios e análises químicas da matéria-prima a ser utilizada na composição da cerâmica.
Estuda e examina a formulação da massa desejada para a fabricação do produto.
Orienta na preparação da massa em todas as suas etapas: moagem, filtragem, marombagem, formação, secagem, queima, esmaltação e decoração.
Faz o controle de qualidade da matéria-prima e do produto pronto.
Cuida da manutenção e conservação das instalações, equipamentos e instrumentos.
Realiza análise das atividades e estabelece medidas de segurança do trabalho.
Presta assistência técnica aos clientes da empresa.

CAMPOS DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL
Indústrias de fabricação de revestimentos cerâmicos de piso e parede; de cerâmica vermelha para a construção civil; de cerâmica branca (louça de mesa , porcelanas, louças artísticas, isoladores elétricos, aparelhos sanitários); de extração de matérias-primas e insumos para indústria cerâmica; de cerâmica avançada e cerâmica técnica; de vidros em geral; de cimento.

15 comentários:

eu-amo-a-ey disse...

Eis um ramo do qual, sinceramente, nunca ouvira falar. quero dizer, não com essa especialização toda. É o mercado exigindo cada vez mais especializações.

Beijos!

Nat Valarini disse...

Bom dia Inez!

Poxa, técnico em cerâmica?

Realmente eu não conhecia!

Adoro vir ao teu blog e saber de coisas novas!

Kiso!

30 e poucos anos. disse...

Não sabia que existia tal profissão.

Net Esportes disse...

Eu tb nunca tinha ouvido falar nesse ramo ..... confesso sinceramente que não me atriu em nada essa profissão !!!!!

Diogenes M. disse...

Nem sabia que existia tecnico em cerâmica... Ja vi algo do genero, só que relacionado a artes.

Luiz Guilherme disse...

1º obrigado pelo comentário no blog...

2º bem interresant essa profissão...não sabia dessa....vou estar sempre aki para ver novas profissões...

vlw

http://lg7fortalezace.blogspot.com/

!rodrigo! disse...

muito legal http://rodyjucy.blogspot.com/

James Almeida disse...

Ótimo blog. *-*

Já escolhi minha profissão, é pela Biomedicina. :p
Mas já pensei a respeito sobre Psicologia, Fisioterapia, Medicina e Relações Internacionais. (;

=*

Caio Coletti disse...

Também não sabia que havia uma área específica para todo esse trabalho. De fato lendo deu para pensar o quanto esse tipo de trabalho com cerâmica está nas coisas que vemos ao nosso redor e consumimos. Seu blog é e sempre foi excelente, um dos mais úteis conteúdos da blogosfera. Parabéns!

Abraço

Paula disse...

Essa profissão eu realmente não pensaria em seguir...

Junior disse...

Nossa eu nao conhecia essa especialização

Marina disse...

gosto muito de visitar esse seu blog.
Fico pensando como teria sido a vida se eu tivesse escolhido outra profissão.
Uma coisa que eu sempre tive vontade, foi de trabalhar com animais. Um sonho de criança era trabalhar em algum projeto de recuperação de alguma espécie, tal como o projeto Tamar..

Ana Lucia Nicolau disse...

que legal! não sabia da existência dessa profissão

Bastafalar disse...

Maneiro teu blog. Diferente como a profissão em questão. Vou acompanhar!

Continue!

CRISTIANO BRITO disse...

Prezados,
Esbarrei por acaso nesse blog e observando os comentários resolvi colaborar com o meu. Sou um técnico ceramista formado pela experiência. Trabalho com prestação de serviço para representantes comerciais de pisos e revestimentos cerâmicos. Sou responsável pela constatação de problemas em pisos cerâmicos assim como o registro das reclamações dos clientes. Resumindo, um técnico ceramista dentro de uma empresa colabora com a criação e melhoria do produto. Fora da industria é ela quem escuta todo tipo de reclamação e ameaças dos consumidores e tenta explicar, de forma simples e na maioria das vezes “lúdica”, para esses mesmos consumidores que o problema é mais embaixo. Na maioria das vez, na massa colante, no contra-piso, ou mesmo no solo e em alguns casos na "mão-de-obra" barata e despreparada.
Abraços a todos.